Theme by Themes that you like

_dobalacobaco!!


rocks, música e bobagens

Em comemoração aos 25 anos de Doolittle, Pixies relança álbum em versão especial

image

Alegria de fã é quando a banda favorita reedita um dos seus álbuns mais queridos. Pois bem, o Pixies relançou Doolittle em versão extendida para celebrar os 25 anos do disco. Doolittle 25 está à venda no site oficial da banda (aqui). Camisetas exclusivas também estão à venda, mas por período limitado. 

Doolitle 25 têm dois formatos: CD triplo e LP duplo com a versão original e todos os B-sides do álbum, além de Peel Sessions e Demos, estes lançados comercialmente pela primeira vez. Os Peel Sessions foram registrados no dia 18 de outubro de 1988 e 2 de maio de 1989 e originalmente transmitido pela BBC Radio 1. 

O Pixies surgiu em 1986 em Boston, Massachusetts. Uma das bandas pioneiras do rock alternativo americano, o som do Pixies transita entre o punk e o surf rock, com melodias marcantes e densas. Após hiatos, idas e vindas, atualmente o grupo é formado por Black Francis (vocal e guitarra), Dave Lovering (bateria) e Joey Santiago (guitarra). A ex-baixista e eterna musa Kim Deal deixou o Pixies em 2013 para se dedicar ao Breeders, sua banda. 

Doolittle é o segundo álbum de estúdio do Pixies, que foi lançado em 1989 pela 4AD e distribuído mundialmente pela Elektra Records. 

imageConfira as tracklists:

Doolittle 25 - 3CD Edition 

Disc One Doolittle 1:
1.Debaser (2.52)
2. Tame (1.55)
3. Wave of Mutilation (2.04)
4. I Bleed (2.34)
5. Here Comes Your Man (3.21)
6. Dead (2.21)
7. Monkey Gone to Heaven (2.57)
8. Mr. Grieves (2.05)
9. Crackity Jones (1.24)
10. La La Love You (2.43)
11. No. 13 Baby (3.51)
12. There Goes My Gun (1.49)
13. Hey (3.31)
14. Silver (2.25)
15. Gouge Away (2.45)

Disc Two - Doolittle: Peel Sessions & B-Sides
1. Dead (Peel Session) (3.18)
2. Tame (Peel Session) (1.58)*
3. There Goes My Gun (Peel Session) (2.18)
4. Manta Ray (Peel Session) (1.49)
5. Into The White (Peel Session) (4.11)*
6. Wave of Mutilation (Peel Session) (2.31)
7. Down To The Well (Peel Session) (2.14)
8. Manta Ray (2.40)
9. Weird At My School (1.58)
10. Dancing The Manta Ray (2.14)
11. Wave of Mutilation (UK Surf) (3.02)
12. Into The White (4.43)
13. Bailey’s Walk (2.24)

Disc Three - Doolittle: Demos
1. Debaser (3.00)
2. Tame (2.10)*
3. Wave of Mutilation (First Demo) (2.04)*
4. I Bleed (1.46)*
5. Here Comes Your Man (1986 Demo) (3.07)
6. Dead (1.35)*
7. Monkey Gone To Heaven (2.52)*
8. Mr. Grieves (1.42)*
9. Crackity Jones (1.21)*
10. La La Love You (2.08)*
11. No. 13 Baby - VIVA LA LOMA RICA (First Demo) (2.17)*
12. There Goes My Gun (1.29)*
13. Hey (First Demo) (3.22)*
14. Silver (2.11)*
15. Gouge Away (1.42)*
16. My Manta Ray Is All Right (2.30)*
17. Santo (2.17)*
18. Weird At My School (First Demo) (1.53)*
19. Wave Of Mutilation (1.30)*
20. No. 13 Baby (3.07)
21. Debaser (First Demo) (3.37)*
22. Gouge Away (First Demo) (2.08)*

Doolittle 25 - 2LP Edition (CAD 3425)
Side One - Doolittle: B-Sides
1. Manta Ray (2.40)
2. Weird At My School (1.58)
3. Dancing The Manta Ray (2.14)
4. Wave of Mutilation (UK Surf) (3.02)
5. Into The White (4.43)
6. Bailey’s Walk (2.24)

Side Two - Doolittle: Peel Sessions
1. Dead (Peel Session) (3.18)
2. Tame (Peel Session) (1.58)*
3. There Goes My Gun (Peel Session) (2.18)
4. Manta Ray (Peel Session) (1.49)
5. Into The White (Peel Session) (4.11)*
6. Wave of Mutilation (Peel Session) (2.31)
7. Down To The Well (Peel Session) (2.14)

Side Three - Doolittle: Demos
1. Debaser (3.00)
2. Tame (2.10)*
3. Wave of Mutilation (First Demo) (2.04)*
4. I Bleed (1.46)*
5. Here Comes Your Man (1986 Demo) (3.07)*
6. Dead (1.35)*
7. Monkey Gone To Heaven (2.52)*
8. Mr. Grieves (1.42)*
9. Crackity Jones (1.21)*

Side Four - Doolittle: Demos
1. La La Love You (2.08)*
2. No. 13 Baby - VIVA LA LOMA RICA (First Demo) (2.17)*
3. There Goes My Gun (1.29)*,
Hey (First Demo) (3.22)*
5. Silver (2.11)*
6. Gouge Away (1.42)*
7. My Manta Ray Is All Right (2.30)*
8. Santo (2.17)*
9. Weird At My School (First Demo) (1.53)*

Biohazard e Matanza vão se apresentar no Goiânia Noise Festival - 20 Anos

image

O fim do ano se aproxima e também a 20ª edição do maior festival de música independente de Goiás, o Goiânia Noise. A Monstro Discos anunciou na última segunda-feira (13) que Biohazard – um dos expoentes do hardcore – será uma das atrações do evento, que acontecerá de 2 a 7 de dezembro.

Biohazard vai se apresentar na sexta-feira (5/12) juntamente com os cariocas do Matanza, no Centro Cultural Oscar Niemeyer. O line-up completo ainda não foi divulgado.

A outra novidade é que Marcatti é quem vai traduzir visualmente o espírito do evento neste ano. O mais underground dos cartunistas brasileiros, Francisco Assis Marcatti é autor das pérolas “Mijo”, “Lôdo”, “Coprólitos” e “Creme de milho com bacon”, além disso, estampou ‘peripécias’ nas capas das revistas “Chiclete com Banana”, “Mil Perigos” e “Mad”. Marcatti também é autor das antológicas capas dos Ratos de Porão: “Brasil” e “Anarkophobia”. 

image

História

Goiânia estava à margem da música urbana e jovem quando Leo Bigode e Márcio Júnior – inspirados no festival JuntaTribo – realizaram a primeira edição do evento em 1995. O Goiânia Noise cresceu e se transformou em um dos festivais mais respeitados do país. Sobretudo, contribuiu para a consolidação da cena underground goiana. 

O Centro Cultural Martim Cererê foi que recebeu o maior número de edições do Goiânia Noise: sete no total. Além do Martim Cererê, o festival ocupou vários espaços ao logo dos anos: Praça Universitária, DCE-UFG, Escola Técnica, Cine Santa Maria – cinema pornô da Rua 24, no Centro –, Jóquei Clube, Centro Cultural Oscar Niemeyer e Clube Jaó.

Pelo Noise passaram artistas como: Sepultura, Krisiun, Korzus, Mundo Livre S.A, Nação Zumbi, Ratos de Porão, Matanza, Exploited, Macaco Bong, Mechanics, Cash for Chaos,  Ambervisions, Ressonância Mórfica, Trissônicos, Mechanics, MQN, Hang the Superstars, NEM, Réu e Condenado e Violins, Girlie Hell entre outros.

Niel Young divulga capa e tracklist de Storytone, o novo disco

image

Foto: reprodução

Após A Letter Home – disco de covers lançado em abril – a mais nova peripécia de Neil Young de 2014 se chama Storytone. O álbum, que contém músicas inéditas,chegará às lojas em 4 de novembro.  A capa, a tracklist e os detalhes foram divulgados na última quinta-feira (9). 

O disco foi produzido por Young e Niko Bolas e contou com a participação de uma orquestra com 92 instrumentistas, que foram condizidos por Michael Bearden e Chris Walden. 

Storytone terá três versões: padrão – com um CD, gravado ao lado de uma orquestra –, luxo – com um disco a mais, contendo as mesmas faixas em versão solo –, e em vinil, que inclui as versões padrão e luxo e será lançado em 16 de dezembro.  

A Letter Home é composto por covers de musicas que influenciaram Young, tais como de Bruce Springsteen, Bob Dylan, Willie Nelson, Gordon Lightfoot e outros. O álbum foi gravado na cabine Voice-O-Graph de 1947 na Third Man Records, de Jack White (White Stripes), em Nashville, à voz e violão.

Confira a tracklist de Storytone:
1 – “Plastic Flowers”
2 – “Who’s Gonna Stand Up?”
3 – “I Want To Drive My Car”
4 – “Glimmer”
5 – “Say Hello To Chicago”
6 – “Tumbleweed”
7 – “Like You Used To Do”
8 – “I’m Glad I Found You”
9 – “When I Watch You Sleeping”
10 – “All Those Dreams”

Confira Who’s Gonna Stand Up and Save the Earth:

Fonte: Rolling Stone

Start é atração principal do Heineken Monstro Rocks deste sábado

image

Foto: Rafael Okent 

Start, grupo de rap capitaneado por Stephan Peixoto, filho do Marcelo D2, é atração principal da oitava edição do Heineken Monstro Rocks deste sábado, (06), a partir das 18 horas. O evento terá participações dos goianos do Faroeste, Sã Consciência e Gasper, além de discotecagens de Daniel de Mello e Big Sérgio Sã.

Em 2003 Stephan ficou conhecido ao cantar o refrão "Eu me desenvolvo e evoluo com meu pai" na faixa Loadeand, do Marcelo D2. Atualmente com 22 anos e ao lado dos amigos Farouk, Shock e DJ Alves faz rap com influências de grandes nomes da música, como Bezerra da Silva, Tim Maia, Cartola e Chico Buarque. 

Heineken Monstro Rocks 08

Shows com: Start (RJ), Faroeste, Sâ Consciência e Gasper
Discotecagem: Daniel de Mello e Big Sérgio Sã
Data: Sábado, 6 de setembro, a partir das 18 horas
Ingressos: R$ 25,00 (antecipados) e R$ 30,00 (na bilheteria)
Pontos de venda: Calango Streetwear, Hocus Pocus, Tribo Restaurante e Detroit Steakhouse (Alto da Gloria).

Após veto, cena de nudez de Cersei Lannister será filmada em Dubrovnik

image

Aviso: este post contém spoiler sobre a quinta temporada de Game Of Thornes

Os produtores de Game Of Thrones foram autorizados a filmar cenas de nudez de Cersei Lannister (Lena Heardy) na cidade de Dubrovnik, Croácia, que serão exibidas na quinta temporada da série. Contudo, não serão permitidas que as cenas sejam gravadas no templo de San Nicolás. Em Agosto, o poder político do clero em Dubrovnik vetou as gravações devido à “política muito rígida e relação à nudez e sexualidade explícitas”.  

Na tal cena polêmica, Cersei sai nua de uma igreja e caminha pelas ruas de King’s Landing. As filmagens seriam gravadas na basílica, que é um local popular na série.

Embora Dubrovnik tenha sido desde o início um dos cenários principais da série, os produtores cogitaram procurar um novo local, pois, a cena é fundamental para os desdobramentos da história. Tendo em vista as perdas para cidade, uma vez que Game of Thrones a promoveu e atraiu turistas, a Igreja, os produtores da série e a Comissão de Cinema de Dubrovnik entraram em consenso. Não haverá limitações à liberdade de produção.

O retorno de Game Of Thrones está previsto para abril de 2015.

Escola Goiana de Desenho Animado abre inscrições para Curso de Animação 2D

Atualizado às 00:01 de 04/09

A Escola Goiana de Desenho Animado oferece durante o mês de setembro Curso de Animação 2D, módulos básico e avançado. Os interessados deverão preencher o formulário no site da escola até dia 13, para o módulo avançado, e até dia 14, para o módulo básico. Para participar, o candidato deverá ter no mínimo 14 anos e noções básicas de animação 2D.

Após a conclusão, seis alunos do módulo avançado serão selecionados para trabalhar em um projeto de animação em co-produção com a Fractal Filmes (GO) e o Polo da Zona da Mata (MG).

Os cursos serão ministrados por Emerson Rodrigues. Com 10 anos de experiência em animação, Emerson é formado em Design Industrial pela UnB – Universidade de Brasília, participou de especializações na Concept Design Academy (California) e na renomada escola de animação francesa Gobelins, L’école de I’image. Emerson Rodrigues também é responsável por projetos em animação desenvolvidos para Nike, Mcʼ Donaldʼs, MTV, VH1, Red Bull, WWF e Coca-cola.

Confira os detalhes:

MÓDULO AVANÇADO DE ANIMAÇÃO 2D

Inscrições: até 13 de setembro.
Preencha o formulário (no site) e envie seu portfólio.
Resultado da seleção: 14 de setembro.
Período de aulas: 15 de setembro a 29 de outubro
Segundas, Quartas e Sextas das 19h às 22h
Carga horária total: 60 horas
Professor: Emerson Rodrigues
Vagas por turma: 12
Valor: Gratuito!
Pré-requisito: Envio de portfólio de ilustração ou desenho animado 2D.
Conteúdo: Exercício avançados de animação 2D, cenários e composição utilizando Toon Boom.

MÓDULO BÁSICO DE ANIMAÇÃO 2D

Inscrições: até 14 de setembro de agosto.
Preencha o formulário (no site) e agende sua matrícula por telefone.
Período de aulas: 16 de setembro a 20 de novembro.
Terças e Quintas das 19h às 22h.
Carga horária total: 60 horas.
Professor: Emerson Rodrigues
Vagas por turma: 12
Valor: R$ 600,00 (à vista com 5% de desconto ou parcelado em até 3x no cheque).
Pré-requisito: idade mínima 14 anos.
Conteúdo: Noções da técnica de animação 2D: movimento, perspectiva, volume, animações de personagens e objetos e iniciação aos procedimentos de montagem e edição.

Informações: 

(62) 8188-3223 - Márcia Deretti
E-mail: escolagoianadedesenhoanimado@gmail.com

Agenda Do Balacobaco: De volta a Goiânia, Igor Cavalera discoteca no Metrópolis neste sábado

image

Foto: Paulo Segadães

Igor Cavalera é a atração principal do Jack Party! neste sábado, (30), no Metrópolis, a partir das 22h30. O ex-baterista da banda Sepultura volta a Goiânia para discotecar clássicos do Rock.

Dj Set:

Igor Cavalera (Ex-Sepultura)
Michael Nite
Segundo

Metrópolis Retrô
Rua 83, 372, Setor Sul
Entrada: R$20 

Agenda Do Balacobaco: primeira edição do Catuaba Sessions acontece neste sábado

Em homenagem à bebida que move o underground goianiense,  acontece neste sábado, (30), a primeira edição do Catuaba Sessions. O evento será realizado no DCE da UFG, no Setor Universitário, a partir das 18 horas.

Regada por rodadas de catuaba, a diversão ficará por conta das bandas Coletivo Sui Generis, Bang Bang Babies, Atomic Winter, Overfuzz, The Galo Power, União Clandestina, Tirei Zero e Lobinho e os 3 Porcão.  Os ingressos custam R$ 5 até às 19 horas.


Programação

18:00 Abertura dos portões

19:00 União Clandestina

19:30 Tirei Zero

20:30 Coletivo Sui Generis

21:30 Bang Bang Babies

22:30 Atomic Winter

23:30 Overfuzz

00:30 The Galo Power

01:30 Lobinho e os 3 Porcão

 

Catuaba Sessions
DCE da UFG
Praça Universitária
Entrada: R$5 até às 19hrs - R$10 após o início dos shows

Iron Maiden relançará oito álbuns clássicos em vinil

image

Os fãs do Iron Maiden que se preparem emocionalmente e financeiramente, é claro. A banda vai relançar oito álbuns e singles clássicos em vinil. Os relançamentos acontecerão em três datas: 13 e 27 de outubro; e 24 de novembro. A capa e a arte dos LP’s serão réplicas das originais. Além disso, haverá versão com caixa de luxo.

 Os álbuns “Iron Maiden”, “Killers”, “The Number Of The Beast”, “Piece Of Mind”, “Powerslave”, “Live After Death”, “Somewhere In Time” e  “Seventh Son Of A Seventh Son” já possuem versão em vinil e serão prensados em 180 gramas. Já os Singles serão relançados neste formato pela primeira vez.

Confira detalhes:

13 de outubro

Discos

Iron Maiden
Killers
The Number Of The Beast

Singles

“Running Free” (“Burning Ambition”)
“Sanctuary” (“Drifter” e “I’ve Got The Fire”)
“Women In Uniform” (“Invasion”)
“Twilight Zone” (“Wrathchild”)
“Purgatory (“Genghis Khan”)
“Run To The Hills” (“Total Eclipse”)
“The Number Of The Beast” (“Remember Tomorrow”)

27 de outubro

Discos

Piece Of Mind
Powerslave
Live After Death

Singles

“Flight Of Icarus” (“I’ve Got The Fire”)
“The Trooper” (“Cross-Eyed Mary”)
“2 Minutes To Midnight” (“King Of Twilight”)
“Aces High” (“King Of Twilight”)
“Running Free” – ao vivo (“Sanctuary” – ao vivo)
“Run To The Hills – ao vivo (“Phantom Of The Opera” – ao vivo)

24 de novembro

Discos

Somewhere In Time
Seventh Son Of A Seventh Son

Singles

“Wasted Years” (“Reach Out”)
“Stranger In A Strange Land” (“That Girl”)
“Can I Play With Madness” (“Black Bart Blues”)
“The Evil That Men Do” (“Prowler ’88”)
“The Clairvoyant” (“The Prisoner” – ao vivo)
“Infinite Dreams” (“Killers” – ao vivo)

 Fonte: Rolling Stone

Após lançamento de álbum, Dry encara nova fase

image

Há dois meses a banda Dry representou o rock goiano em uma campanha publicitária da maior emissora de TV de Goiás, que é afiliada da Rede Globo. O misto de imagens no qual Marco Bauer (vocal), Pedro Bernardi (guirtarra), Augusto Zimiani (bateria) e Gustavo Gontijo (baixo) estavam inseridos – tocando, é claro – foi narrado da seguinte maneira: “Goiano é quem adora uma boa moda (vestuário), a outra moda (sertaneja) e uma moda mais pesada (rock goiano). Ah! E essa moda também (pamonha)”. Dry não foi escolhido aleatoriamente. O quarteto faz parte da nova safra de bandas goianas que fomentam a cena e encantam o público. "Foi um lance (a escolha) bem informal mesmo”, lembra Bauer.  Não fomos indicados exatamente como “Dry” e sim como atores globais mesmo (risos)”, completou em tom de gozação. Aliás, esta é a característa da banda: entrosamento com boa dose de ‘zoeira’.

A banda surgiu em 2010, mas os caras só fizeram o primeiro show em 2011. “Ficamos enfurnados no estúdio (ensaiando) para tocar só em 2011 (risos)”, lembra Zimiani. Pois bem, a “concentração” valeu a pena. Naquele mesmo ano eles se apresentaram em festivais renomados como o Vaca Amarela, Goiânia Noise Festival, o Unconvention, dentro do Canto da Primavera, além do Anti-Música. Em agosto de 2012 iniciaram o processo de produção e gravação do álbum de estreia, o “Enjoy the Fall”.

Após o lançamento do disco em março deste ano,  a banda encara a nova fase com vigor e maturidade. Entusiasmados, planejam expandir o circuito. Para isso, se revezam na criação de merchandising, na atualização do site e das redes sociais, estabelecem contato direto com produtores, para realização de shows e planejam gravar videoclipes. “Depende mais de nós do que dos outros. Não somos uma banda, somos praticamente uma empresa. Seriamos uma banda se precisássemos apenas compor e tocar e ainda bem que não é assim”, pontuou Bauer. “No contexto atual das coisas, se a banda não for sólida e produzir pelos próprios recursos, agenciamentos não resolve porque é uma parte bem pequena da equação”, completou Pedro.

Para Pedro, embora o processo seja lento no universo do rock alternativo/metal, o interesse por parte do público pela banda aumenta a cada show. “As pessoas pedem músicas nos shows pelo nome, ao invés de ‘aquela que tem aquele solo de baixo’ (risos)”, afirma o guitarrista em tom de descontração.

No que diz respeito a público, predomina entre os integrantes o desejo de atingir a cena de forma geral. Contudo, Bauer não esconde a vontade de mostrar aos headbangers o som pesado da Dry. “Sou o cara mais metaleiro que eu conheço, então, quero que outros ‘Marco’s Bauer’s’ do mundo ouçam. Gosto do que eu faço e é só uma questão de conseguir com que minha música chegue até outros como eu”.